arte
 

Carlos Barreira


1945

biografia

Nasceu em Chaves e vive no Porto desde 1967. Professor associado de Escultura, presidente do departamento e membro do concelho científico na Faculdade de Belas Artes do Porto, onde se formou.
Tem trabalhos na Assembleia Regional dos Açores. Caldas da Rainha, Figueira da Foz, São João da Madeira, Alfândega da Fé. Carrazedo de Ansiães, Santo Tirso. Vila do Conde, Cabo Verde. Alemanha, França e Coreia do Sul. Trabalha como cenógrafo e figurinista para o teatro. Comissariou com Carlos Carreiro e Ângelo de Sousa a Exposição ESBAP l FBAUP. Na Alfândega no Porto, em 1995. Integrou o projecto "Verdes anos", cenografia plástica, com o grupo Pé de Vento do Porto. na Expo|98. Lisboa. Participa em simpósios, workshops de escultura e bienais de Arte. Expõe desde 1973. Professor convidado da Universidade de Kassel. É sócio da Árvore e da Gesto e integra o projecto Identidades. 1993 - 2° Simpósio de Santo Tirso em pedra. 1994 - I Encuentro de Escultura Ibérica Actual. 1994-95 Arte Contemporânea da Galiza e do norte de Portugal. 1995 - II Fórum Atlântico na Maia.ESBAPIFBAUP, Exposição na Alfândega. 1996 - Encontro com o granito, Simpósio de pedra em Vila Nova de Cerveira. Prémio de Escultura Sonae. Prémio investigação Caldas da Rainha. 1997 - Encontro com a Póvoa, Simpósio de pedra e ferro na Póvoa de Varzim, III Fórum Atlântico Corunha, Porto e Lisboa. Atrito Nulo, ed. Galena Alvarez. Dois tempos, quatro Escultores Art Cologne Internationaler Kunstmarkt. 1999 Grande prémio Bienal de Cerveira. Artista convidado da "33^ International Fair for Modern Art Cologne I W". 2000 - Simposium Kiss. Coreia do Sul. 2001 - Exposição 'Anos 60/70" Serrares. Arte nas auto-estradas, ed Brisa. 2003 - "Dos Granitos e das Fontes", C. M. Alfândega da Fé. Simpósio de granito em Pinfiel. 2004 - Simplesmente escultura, ed Galena Osins. C M. Caldas da Rainha.